E24
canoagem pimenta

Canoagem: Ramalho com Pimenta só podia dar título mundial

José Ramalho e Fernando Pimenta revalidaram, hoje, o título mundial de canoagem na categoria K2 em maratona. A competição ocorreu em Vejen, na Dinamarca, e marcou a segunda vitória consecutiva da dupla, que anteriormente havia conquistado o título em 2022, em Ponte de Lima.

Com incrível determinação, José Ramalho e Fernando Pimenta percorreram os desafiadores 27,60 quilómetros da regata nuns impressionantes 01:54.35,11 horas.

Cruzaram a linha de chegada com uma vantagem de apenas 78 centésimos de segundo sobre os seus rivais franceses, Quentin Urban e Jéremy Candy, que garantiram o segundo lugar.

Os noruegueses Jon Vold e Eivind Vold conquistaram a terceira posição, chegando apenas 01.31 segundos atrás da dupla portuguesa, demonstrando a alta intensidade da competição.

Além disso, durante a manhã deste mesmo dia, os jovens talentos Francisco Batista e João Bento representaram Portugal na categoria K2 em juniores, alcançando um honroso quinto lugar. Com um tempo de 01:31.39,86 horas, ficaram a apenas 26,49 segundos dos argentinos Vicente Vergauven e Joaquin Catalano, que se consagraram campeões mundiais no escalão, com um tempo de 01:31.13,37 horas.

Este evento em Vejen, no âmbito dos Mundiais de canoagem de maratona, tem sido um palco de sucesso para os atletas portugueses. Fernando Pimenta já havia conquistado a medalha de ouro na ‘short race’ e João Ribeiro e Matias o passaporte para Paris , enquanto o promissor Francisco Santos, na categoria sub-23, garantiu a medalha de bronze na corrida de K1.

Publicidade