E24
PJ despidos na net

Costumas te despir na net? Então vê aqui o resultado desta operação

A Polícia Judiciária, através da Unidade Nacional de Combate ao Cibercrime e à Criminalidade Tecnológica (UNC3T), em inquérito dirigido pelo no DIAP de Loures, desencadeou, no dia de hoje, uma operação policial, no âmbito de uma investigação sobre a prática de vários crimes de extorsão, que culminou com a detenção de 5 indivíduos e realização de 5 buscas domiciliárias.

A investigação foi iniciada há cerca de um ano e tem na base o modus operandi, vulgarmente conhecido por sextortion, que compreende a abordagem da vítima, através das redes sociais. Após conversações mantidas online, as vítimas são convidadas a partilhar conteúdos íntimos (imagens ou vídeos) através das redes sociais ou de videochamadas.

Na posse de tais conteúdos, os criminosos exigem o pagamento de determinada quantia monetária, sob ameaça de divulgação dos mesmos, junto de familiares, amigos e contactos profissionais.

A operação contou com a participação de duas dezenas de investigadores. As buscas e detenções ocorreram na região de Lisboa e do Porto, tendo sido apreendido diverso material, do qual se destaca equipamento informático utilizado no cometimento dos crimes de extorsão, documentação bancária, dinheiro, cartões bancários de contas abertas em nome de terceiros, utilizadas como contas de destino para branqueamento de capitais.

Para além do material relacionado com a prática dos crimes em investigação, que será objeto de análise para o completo apuramento da factualidade – incluindo a existência de outras vítimas – foram apreendidas duas armas ilegais.

Os detidos serão presentes a primeiro interrogatório judicial de arguido detido, para aplicação de medidas de coação tidas por adequadas.

Publicidade