E24
susana fabio

Esposende: PS diz que a Câmara “assobia para o lado” no caso da derrocada fatal

Passou um ano daquela que foi uma das noites mais trágicas do concelho de Esposende, com uma derrocada fatal que tirou a vida da dois jovens em Palmeira de Faro.

O Partido Socialista (PS) de Esposende, através do líder Tito Guilherme, recordou a trágica noite nas redes sociais e escreveu que a Câmara continua a “assobiar para o lado” neste caso.

Um ano após a tragédia de Palmeira de Faro, sobram as perguntas e faltam respostas. A Câmara de Esposende, e o seu presidente, continuam a assobiar para o lado como se não tivessem responsabilidades na matéria”, refere Tito Guilherme.

“O PS Esposende aguarda que se faça justiça“, vaticina ainda.

Recorde-se que uma derrocada em Palmeira de Faro tirou a vida a dois jovens de 22 anos, Susana e Fábio. Esposende acordava com a trágica notícia que comoveu todo o país.

O deslizamento de terras atingiu a habitação onde estavam seis pessoas: um casal adulto com cerca de 45 anos, duas crianças com dois anos e 12 anos, e o casal, Fábio Veloso e Susana Gonçalves.

O casal foi atingido por pedras de grandes dimensões.

O caso está a ser investigado pela Polícia Judiciária.

 

Publicidade