E24

Mucho Flow festeja 10 anos em novembro com Bengal Chemicals, Lost Girls e Lankum

O festival Mucho Flow vai assinalar a 10.ª edição entre 02 e 04 de novembro, em Guimarães, com um cartaz que teve hoje entre as primeiras confirmações nomes como Bengal Chemicals, Lost Girls e Lankum.

“O Mucho Flow regressará, também, ao formato ‘multi-venue’, em que várias salas de espetáculos, espalhadas pela cidade, servirão de palco aos artistas do cartaz, desdobrando a descoberta de novas tendências numa redescoberta de Guimarães e dos seus equipamentos culturais”, pode ler-se no comunicado hoje divulgado pela organização do evento, a cargo da Revolve.

A lista de primeiras confirmações para o Mucho Flow deste ano é composta por Amnesia Scanner, Bengal Chemicals, Contour, Daniel Blumberg, Lynce, Heith, Lankum, Lost Girls, Miguel Pedro, OK Williams e Teryl Kaiz.

Os irlandeses Lankum chegam a Guimarães (distrito de Braga) depois de terem lançado o quarto registo, “False Lankum”, recentemente nomeado para melhor disco do ano nos prémios da música britânica Mercury, ao lado de Arctic Monkeys, Ezra Collective, Fred Again, entre outros.

Já o projeto Lost Girls resulta, nas palavras da organização, “da convergência da cantautora e experimentalista Jenny Hval e do multi-instrumentista Håvard Volden, que juntos criam peças de música inquisitiva das possibilidades da pop, da eletrónica e da cena mais ambiental”.

Bengal Chemicals é um produtor de Kolkata, na Índia, cujo trabalho é descrito como uma “produção possuída, aproximada ao ‘noise’, e uma seleção de ‘samples’ minuciosamente específica”.

Amnesia Scanner regressam ao Mucho Flow depois de uma presença em Guimarães em 2019, enquanto o norte-americano Contour se estreia com um trabalho que circula entre o jazz, soul e o psych rock.

 

 

Publicidade